Food Service

Notícia

Croquete de mandioca e lombo vence disputa gastronômica

Dupla de estudantes também conquistou 1ª seletiva e garantiu inclusão no cardápio do Bela Maria

23/12/2015

Dupla de estudantes também conquistou 1ª seletiva e garantiu inclusão no cardápio do Bela Maria

 

A 2ª edição do Combate de Chefs conheceu o grande vencedor na noite desta quinta-feira, 10, durante a final da competição, promovida no restaurante Bela Maria, em Campinas. O concurso gastronômico é uma iniciativa da Faculdade Max Planck, de Indaiatuba, para alunos de gastronomia. O prato eleito pelo júri foi croquete de mandioca e aletria, recheado com lombo suíno e acompanhando de geleia com pimenta. Preparado pelas alunas do 4º semestre, Sheila Chagas Santos e Flavia Mendes Silva, o salgado vai compor agora o cardápio do restaurante. 

 

A disputa foi acirrada, já que a diferença entre 1º e 2º colocados foi de apenas quatro pontos. Sheila conta que a dupla se preparou muito para participar do concurso, desde que as inscrições para a primeira etapa foram abertas. “Na 1ª edição não conseguimos nem nos classificar, desta vez nos preparamos estudando e pesquisando muito. Além disso, produzimos o prato muitas vezes, para familiares e amigos mais próximos”, relata. A estudante afirma ainda que está realizando um sonho. “Poder viver essa experiência é maravilhoso, para mim, gastronomia é uma arte”, completa.

 

Essa não é a primeira vez que o curso de Gastronomia da Faculdade Max Planck promove ações como esta, que tem o objetivo de estimular a criatividade e aprendizado dos alunos. Em junho deste ano ocorreu a 1ª edição do concurso e a mostra gastronômica Chefs no campus. Outro diferencial deste curso é a participação frequente dos alunos em eventos de pequeno, médio e grande porte da cidade. Vale lembrar que todas as atividades são supervisionadas e orientadas por um experiente corpo docente, sob a coordenação do professor Caio Nunes.

 

 

Para a coaching em Comunicação, que compôs o júri do concurso, Thais França, eventos deste tipo permitem aos alunos vivenciar a realidade e quando voltam para a sala de aula trazem consigo essa experiência prática. “Além de mostrar a valorização do ensino superior com um aprendizado contextualizado, iniciativas como esta permitem aos participantes colocar sua essência na preparação dos pratos, o que é muito positivo. Isto é, ainda enquanto estudantes, eles conhecem sua própria essência”, comenta.

 

 

Além de Thais, o júri contou com o jornalista especialista em gastronomia, Manuel Alves, do Blog Toque de Chef; Chef Antonello, do Buffet Antonello, e o chef da casa, Gabriel Abdalla. Além do prato vencedor, participaram da disputa Bolinho de Yaya, preparado pela aluna Simone Mascaros Knirsch, e Bolinho de angu com costela de porco, feito por Carla Valim e Jessica Maia. 

 

Deixe seu comentário