Food Service

Notícia

Você conhece o óleo de amendoim?

Uma alternativa saudável ao óleo de soja, pode ser utilizado em frituras com benefícios à saúde, apesar do custo ainda ser uma barreira, além da falta de conhecimento do produto

22/02/2016

m tempos de preocupação com uma alimentação saudável, encontrar ingredientes que possibilitem mais saúde, mantendo a qualidade do sabor, é um desafio. Apesar de não viável economicamente para qualquer estabelecimento, já que se trata de um óleo nobre produzido em menor escala, o óleo de amendoim pode ser uma alternativa aos óleos de soja, milho, algodão e girassol para quem vende alimentos e refeições saudáveis.


A utilização do óleo de amendoim já vem do início do século passado, tanto para alimentação humana como combustível de máquinas. O produto pode ser obtido através de dois métodos de extração: prensagem mecânica ou solvente. O amendoim possui uma gama de subprodutos, dentre eles o óleo para alimentação humana, farelos para alimentação animal, entre outros subprodutos. Os maiores produtores são a China, Índia e Senegal, sendo que o primeiro também é o maior importador do mundo, pois sua produção interna não supre sua demanda, seguido da União Europeia e os Estados Unidos.


“Existe uma demanda, porém, não é forte no mercado interno. Os brasileiros já estão acostumados com o óleo de soja, girassol e algodão para frituras, isso já se tornou algo cultural. Entretanto, alguns países da Europa e, principalmente, da Ásia, possuem uma forte demanda, pois é um óleo muito utilizado na cultura oriental. Devido ao preço, sua demanda no mercado de food service ainda é pequena, porém, é uma opção considerada por muitos estabelecimentos que queiram oferecer uma alimentação mais saudável para seus clientes”, afirma Tiago Vicente, da Aboissa, que possui o produto em seu portfólio há mais de 20 anos.

 

Fritura saudável

 

Rico em vitamina E, um antioxidante que auxilia no combate ao envelhecimento precoce, e Ômega 6, que ajuda na prevenção na formação dos radicais livres, o óleo de amendoim é altamente recomendado para o uso de frituras. “Além de conter vitaminas que os principais óleos no mercado não contem, como as vitaminas D e E, o óleo de amendoim apresenta fácil digestão. O óleo de amendoim apresenta quantidades significativas de gorduras insaturadas, que são as mais saudáveis que as saturadas, e que em uma dieta podem ajudar na melhora do colesterol”, ressalta Tiago Vicente.

 

 

“De acordo com o estudo realizado pelo “American Journal of Clinical Nutrition” foi descoberto que o uso constante de óleo de amendoim pode auxiliar na melhora da pressão sanguínea e colesterol. Neste mesmo estudo foi detectado que 150 pessoas, entre homens e mulheres, que a pressão sanguínea dos participantes diminuiu significativamente. Isso foi graças a Arginina, aminoácido básico encontrado no amendoim. Esse aminoácido auxilia na produção do óxido nítrico que serve como vasodilatador e auxilia na diminuição da pressão sanguínea”, conta .

 

 

 

 

 

Deixe seu comentário