Food Service

Notícia

Franquia no setor de alimentação é um dos melhores investimentos, diz especialista

O franchising cresce em ritmo muito superior à média da economia. Venda de um único produto é uma tendência

25/09/2014

Em um cenário econômico incerto, encontrar uma oportunidade de negócio com risco mais baixo é a chance de um presente menos turbulento e de um futuro promissor. Com isso em mente, o setor de franquias pode ser uma opção. O faturamento do setor subiu 12,9% no ano passado, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), enquanto a economia brasileira cresceu 2,3% no mesmo período, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

Neste ano, o ritmo do franchising deve, novamente, destoar da toada da economia: enquanto o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro diminuiu nos dois primeiros trimestres, a ABF estima que as receitas do setor serão 12% maiores em 2014.

 

Para Filomena Garcia, sócia-diretora da Franchise Store, empresa que comercializa franquias, o setor se adapta às demandas do público por determinados serviços e inova ao criar diferentes formatos de loja. Ela listou os segmentos de alimentação, serviços ,beleza e saúde como os mais promissores. Além de oferecerem serviços com alta demanda, tais setores registraram os maiores crescimentos em faturamento no ano passado, também de acordo com a ABF. 

 

O setor de alimentação tem a maior oferta de redes e modelos de unidade diferenciados e, assim como as redes de beleza, a venda de um único produto como grandes tendências. "A ascensão do food truck e a força de redes especializadas em brigaderias, bolos e tapiocas, entre outros produtos, devem ser levadas em conta", diz Filomena.

 

Outro bom nicho é o de produtos naturais, segundo a executiva da Franchise Store. Tal mercado atende à demanda crescente por itens saudáveis e que ajudam a manter a boa forma. (PEGN)

Deixe seu comentário