Food Service

Notícia

Evento em SP celebra o Dia da Pizza e traz tendências para o segmento

Expo Pizzaria começou nesta segunda e termina amanhã, às 19hs, trazendo destaques do mercado de pizza, que movimenta R$22 bi por ano

10/07/2017

No Brasil são consumidas cerca de um milhão de pizzas diariamente. No dia da famosa e apreciada redonda, a 7ª edição da Expo Pizzaria Atacadão, em São Paulo, traz novidades do segmento. O evento que começou hoje e termina amanhã às 19hs, apresenta, durante estes dois dias, ingredientes, insumos, máquinas, acessórios e tendências do segmento, cursos focados em pizza clássica, pães gourmet, pães especiais e degustação de vinhos e de azeites, excelentes companhias para as “redondas”.

 

“A ExpoPizzaria Atacadão se consolida com um dos principais eventos no setor de food service no Brasil e é voltada à capacitação de micro, pequenos e médios empreendedores, transformadores formais e informais para os quais promovemos palestras e workshops de formação e orientação empresarial, além de apresentar tendências nacionais e internacionais em produtos e maquinário”, explica Patrícia Galasini, da JKPG, organizadora da ExpoPizzaria.

 

Pizza gigante

 

Para celebrar o Dia da Pizza, 10 de julho, a ExpoPizzaria preparou uma pizza gigante, com 40 metros de comprimento. A receita da pizza gigante leva mais de 180 quilos de farinha de trigo, 50 litros de molho de tomate, 230 tomates em rodelas, 250 quilos de muçarela, meio quilo de azeitonas pretas e 500 gramas de manjericão fresco.

 

Chamada de ‘A Grande Pizza’, ela demora 6 horas para ficar pronta e no momento de assar são necessárias várias pessoas para colocá-la inteira no túnel do forno de esteira, que irá assá-la por completo.

 

Capacitação

 

“Pizza e a nova geração de consumidores” é o tema da 7ª ExpoPizzaria Atacadão. A escolha foi baseada na constatação de que a sociedade se vê frente à liberdade de escolha de seus alimentos – com oferta amplamente variada – e exige produtos de qualidade com preços acessíveis. E “acessível” é a qualidade que faz da pizza o prato mais conveniente em tempos de queda de consumo de acordo com dados da Apuesp. É uma refeição que possui melhor custo-benefício em comparação com outros produtos: uma pizza custa em média R$ 40,00 e pode ser compartilhada entre 4 pessoas.

 

Para debater o tema de forma ampla e reforçar sua missão de apresentar ao empreendedor as oportunidades do setor de alimentação, a feira vai realizar cursos e palestras de formação e orientação empresarial em parceria com o SEBRAE, promovendo o desenvolvimento sustentável para as pequenas e médias empresas paulistas, destacando a importância que o transformador de alimentação tem na economia brasileira. A expectativa é capacitar mais de 2 mil pessoas.

 

Dados do segmento

 

Os números confirmam que independentemente do cenário econômico, os brasileiros seguem comendo as “redondas”: segundo a Associação Pizzarias Unidas do Estado de SP (Apuesp), 572 mil pizzas são consumidas diariamente em São Paulo, considerada a 2ª cidade que mais consome pizza no mundo, ficando atrás apenas de Nova Iorque. No Brasil, a cifra é de 1 milhão de pizzas consumidas diariamente.

 

Atualmente, são 36 mil pizzarias em funcionamento em todo o País, sendo 11 mil delas no estado de São Paulo. O setor gera 360 mil postos de trabalho, com faturamento em torno de 22 bilhões de reais por ano.

 

Em 2017, a expectativa da organização da ExpoPizzaria é receber mais de 3.600 visitantes, servir aproximadamente 15 mil fatias de pizzas que vão utilizar, em seu preparo, 1.500 litros de molho tomate, 1.200 kg de farinha e 680 kg muçarela.

 

Com 20% da preferência dos brasileiros, a pizza Portuguesa, ganha ainda mais adeptos entre os clientes com mais de 30 anos, assim como a Marguerita. Entre os mais jovens, os sabores mais consumidos são Frango com Catupiry e Calabresa – ambas possuem 17% de predileção.

 

Expo Pizzaria

 

A inscrição pode ser feita no local do evento, no Centro de Exposições do Anhembi, e o ingresso custa R$ 50,00. Mais informações: www.expopizzaria.com.br

 

Deixe seu comentário