Food Service

Notícia

Empresário aposta em lacunas de atendimento no mercado do Chopp

Além dos tradicionais Pilsen e Black, Chopp do Duque trabalha com artesanais de vários sabores

08/11/2016

Com a chegada do verão, aumenta a demanda por beber uma cerveja ou chopp gelado. O Chopp do Duque é uma ótima opção para festas e eventos que reúnem amigos nas mais diversas ocasiões e também para restaurantes.

O empresário Adriano Alencar Thomaz do Nascimento viu no mercado de chopps a oportunidade de criar um negócio e crescer. “Não existiam muitas empresas que faziam esse serviço para pessoas físicas. O mercado de chopp estava abandonado em São Paulo e entramos nele”, conta.

Uma das curiosidades do Chopp do Duque, conta Adriano, é a formação do nome, que foi baseada no Duque Guilherme IV da Baviera que criou a lei da Pureza em 1516. “Ela determina que apenas água, malte, lúpulo e fermento podem ser utilizados na elaboração da cerveja. Fica proibida a utilização de produtos químicos e de maltes de outros cereais, como o milho e o arroz. Seu objetivo é o de garantir a qualidade do produto servido aos consumidores. É considerado um dos mais antigos códigos de alimentos vigentes no mundo. Por isso o nome Duque foi escolhido”.

Os tipos de chopp oferecidos pelo Chopp do Duque são a Pilsen, Black, Vinho e artesanais de vários sabores. A qualidade dos produtos oferecidos pela choperia, além do atendimento diferenciado, são os diferenciais do Chopp do Duque.

 

 

Deixe seu comentário