Food Service

Notícia

Confira 3 dicas para atender seus clientes com excelência

Especialista mostra como transformar a equipe de atendimento e aumentar as vendas do estabelecimento

15/03/2017

O atendimento ao cliente no Brasil é considerado um dos piores no mundo por inúmeras pesquisas, estas que também alegam um mau atendimento ser o motivo de 70% das desistências dos consumidores em comprar o produto ou serviço. Segundo o coach de vendas, idealizador do programa de treinamento de equipes “Garçom Vendedor”, Max Pires, o consumidor decide se vai comprar ou não nos primeiros 10 segundos de conversa com o atendente.

 

O especialista ressalta que o principal setor de qualquer empresa, é o de atendimento. “É por essa equipe que passa o primeiro contato do consumidor com a companhia, sendo eles a personificação dos valores da empresa e esses funcionários precisam ser altamente bem treinados. O sucesso financeiro da sua marca depende dos seus atendentes”, afirma Max.

 

Segundo o coach, um dos grandes problemas referente às vendas em empresas está na comunicação interna. “Os atendentes precisam ter em mente que quem paga os seus salários não é o dono da empresa e, sim, os clientes, pois sem eles não há dinheiro em caixa. No entanto, quando esses atendentes são treinados para prestar mais satisfações aos gerentes e diretores, do que aos clientes, o sistema está errado. Por isso a importância de se dar o máximo possível de autonomia a eles. Pois além de agilizar o processo de venda, o próprio consumidor se sente na presença de um funcionário competente e capaz de lidar com os seus problemas”, explica.

 

O especialista dá 3 dicas de como melhorar os processos de atendimento nas empresas. Confira:

 

1.Vender é uma evolução: “A venda começa no sorriso e na boa vontade do atendente. Depois disso, ela cresce para a capacidade e eficiência do colaborador em resolver os problemas do cliente, tirar todas as suas dúvidas, apresentar outras soluções e sugestões e acrescentar informações relevantes ao consumidor. Por fim, esse bom atendimento deve se estender até depois da compra efetuada, sempre de forma cortês e simpática”, destaca Max.

 

2.Atender com mais agilidade. “Isso depende da infraestrutura do seu estabelecimento, mas de uma maneira geral, separar bem os setores - pagamento, troca, atendimento - é uma maneira muito eficiente de diminuir filas e tumultos. Além disso, informatizar os processos por sistemas interligados torna o acesso às informações muito mais rápido e diminui a probabilidade de erros cometidos pelos funcionários”, aconselha.

 

3.Incentivar o aprendizado a outro idioma: “O Brasil, de uma maneira geral, é muito turístico e dominado por estrangeiros, não só de férias, mas também a trabalho e/ou estudo. Por isso, oferecer cursos de outros idiomas - preferencialmente inglês - a sua equipe, para melhorar o atendimento a esses clientes imigrantes - que também são consumidores e precisam ser levados em consideração - é com certeza um diferencial”, conclui o coach de vendas.

 

Deixe seu comentário