Food Service

Notícia

Casas noturnas e bares de Londrina fazem parceria com taxistas

A ideia é incentivar o uso de táxis pelos frequentadores desses estabelecimentos que fazem uso de bebidas alcoólicas, fixando a bandeira 1 no período noturno

17/03/2016

 

Proposta de parceria entre taxistas de Londrina, no Norte do Estado, e donos de bares, restaurantes e casas noturnas da cidade será discutida em reunião nesta sexta-feira (18), na sede do Ministério Público do Paraná. O MP-PR será representado pelo promotor de Justiça Paulo César Vieira Tavares, que atua na 24ª Promotoria de Justiça da Comarca, com atribuição na área da saúde pública.

 

 

A ideia é incentivar o uso de táxis pelos frequentadores desses estabelecimentos que fazem uso de bebidas alcoólicas, fixando a bandeira 1 no período noturno. Essa sugestão foi apresentada durante um encontro do Grupo de Trabalho do Trânsito, que discute alternativas para se diminuir o número de acidentes de trânsito em Londrina e que também tem a participação do MP-PR.

 

 

A reunião desta sexta-feira está marcada para as 10 horas. A sede do MP-PR em Londrina fica na Rua Capitão Pedro Rufino, 605. Participarão da conversa representantes do Sindicato Autônomo dos Condutores de Táxis Rodoviários de Londrina, da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), da Sociedade Rural do Paraná e da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) do Norte do Paraná.

 

 

Segundo dados da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização de Londrina (CMTU), em 2015 ocorreram 3.539 acidentes de trânsito na cidade, com saldo de 100 mortos e 4.092 feridos. Somente em janeiro deste ano foram registrados outros 287 acidentes, com 335 vítimas (seis das quais fatais).

 

 

Fonte: Bonde

Deixe seu comentário