Publicidade

Food Service

Notícia

Bares e restaurantes comemoram movimento entre Natal e Réveillon no litoral catarinense

Pesquisa realizada pela Abrasel em SC revela que 89% dos entrevistados consideraram o período muito bom

15/01/2015

Minimizados alguns problemas quanto à infraestrutura, porém com muita reclamação quanto à mobilidade urbana, os proprietários de bares e restaurantes do litoral catarinense comemoram em peso os resultados do Natal e do Ano Novo. Pesquisa realizada em 100 estabelecimentos pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Santa Catarina (Abrasel SC) analisou o desempenho do setor entre 22 de dezembro e 4 de janeiro e revelou que 89% dos entrevistados consideraram o período muito bom – em Florianópolis o resultado chegou a 98% das casas.

 

Para Fábio Queiroz, presidente da entidade, este número é reflexo da enorme quantidade de turistas, o que não significa a falta de problemas. “Apesar de festejado, foi detectado novamente um velho problema: o trânsito”, afirma, referindo-se à reclamação recorrente de boa parte dos empresários. No balanço geral, 43% deles apontaram a mobilidade como a maior dificuldade, cujo percentual foi ainda maior em Florianópolis (59%). A segurança também foi muito criticada na Capital, com 13% dos entrevistados apontando este como um dos principais entraves para seu negócio.

 

Em relação à temporada passada, 65% dos empresários catarinenses assinalaram melhoria. Apesar disso, foi indicada queda no poder aquisitivo dos turistas. “Metade dos consultados o consideraram igual ao ano anterior, porém 29% deles anotaram um decréscimo”, avalia Queiroz, ressaltando também a redução no número de visitantes estrangeiros (37%). Entre os brasileiros, novamente os paulistas e gaúchos lideraram, seguidos por paranaenses e fluminenses.

 

A baixa incidência de falta de água e de energia elétrica também foi festejada pelos donos de bares e restaurantes, entretanto está longe de ser considerada uma melhoria. “O normal seria não faltar nada”, ressalta o presidente da Abrasel SC. Outra dificuldade enfrentada foi a contratação de mão de obra, já que 52% dos entrevistados disse ser mais difícil que no ano passado. Contudo, 57% deles disseram estar satisfeitos com sua equipe. “Isso indica mais preparo a antecedência na aquisição de colaboradores”, considera Queiroz.

 

Quando perguntados sobre quais melhorias foram sentidas neste período em relação ao ano passado, a grande maioria respondeu “nenhuma” (65% no geral). Diante de tanto movimento, vale ressaltar que no norte do estado, mesmo com grande satisfação, o percentual dos satisfeitos foi o menor (77%), já que no sul catarinense o resultado foi de 95%. Os números também apontam uma boa confiança quanto ao restante de temporada, com 61% dos consultados esperando ser melhor que a anterior. A pesquisa da Abrasel SC que avaliará o fluxo entre o mês de janeiro e o Carnaval será divulgada após a folia.

 

 

 

Fonte: Portal Engeplus

Deixe seu comentário