Food Service

Notícia

Água de esgoto é ideal para produção de cervejas, diz especialista dos Estados Unidos

Art Larrance chegou a promover um campeonato de cervejas feitas com água tratada

09/02/2015

Art Larrance é o mestre cervejeiro de maior renome do estado do Oregon, nos Estados Unidos. Como forma de chamar a atenção da sociedade para a importância do tratamento das águas residuais, ele reuniu colegas e o governo local para uma torneio em que venceria a melhor cerveja feita com a água da estação de tratamento do rio Tuolumne Tualatin.

 

Além da ação com objetivo social, existe também por trás disso a questão científica. Larrance afirma que a água tratada é realmente ideal para a produção de cervejas, já que o tratamento químico pelo qual passa a água residual a deixa com características muito próximos à água destilada usada na fabricação convencional.

 

"O processo deixa a água 'esterelizada' e, em seguida, são adicionados os minerais. Quando ele é feito, a água resultante atende todos os padrões de água potável", disse Larrance ao site da revista Fast Company.

 

Mark Jockers, representante dos serviços hídricos do Oregon, por sua vez, aponta que usar a água residual tratada é uma mudança de paradigma no que diz respeito à utilização sustentável de recursos naturais.

 

"O desafio que temos por anos é que sempre encaramos o produto que tratamos, que é a água limpa, como algo descartável que deve ser jogado fora. Hoje, sobretudo pelos problemas que alguns enfrentam de escassez, estamos começando a perceber que esta água tratada é um recurso importante", disse.

 

Água residual tratada tem sido vista como uma solução para lugares onde as reservas do recurso são poucas, além de representar uma oportunidade para o desenvolvimento de novas tecnologias.

 

No começo de janeiro deste ano, o fundador da Microsoft, Bill Gates, anunciou o investimento em uma máquina que gera água potável a partir do esgoto. A solução, segundo Gates, pode beneficiar regiões secas na África.

 

Em novembro do ano passado, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, disse que a zona metropolitana da capital iria usar esgoto tratado na produção de água, uma vez que as principais fontes de abastecimento do estado passam por um período de estiagem. (Estadão PME)

Deixe seu comentário