Food Service

Notícia

Comfort Food - Cozinha intimista provoca lembranças e sensações

Experimentar alguma comida e se remeter a lembranças. Quem nunca?

02/05/2017

Macarronada, feijoada, peixe. Mousse, pudim, torta de limão. Quando nos alimentamos a sensação de prazer é imediata. No caso dos doces é ainda maior. Isso porque eles estão ligados diretamente à produção de serotonina, uma substância responsável por melhorar o humor e causar uma sensação de bem-estar. 

Experimentar alguma comida e se remeter a lembranças. Quem nunca? Degustar pratos e despertar sensações através do paladar. Quem sempre? Comfort Food é a técnica responsável por proporcionar por meio de alimentos, lembranças de momentos especiais. Você ingere um alimento e, automaticamente, é transportado para uma nostálgica linha do tempo.

A expressão que remete justamente “Comida Confortável” esconde em seus segredos toques sutis. Tudo começa no processo de produção que, diferente do fast food, exige mais tempo de preparo. Alimentos orgânicos e produtos não industrializados são os ingredientes-chave dessa grande receita.

Aconchego, sabor e bem-estar: a comida da vovó

Para o chef de cozinha da Intellikit, Fernando Reis, essa técnica consiste justamente em fazer refeições com calma e tranquilidade. “É como se cada vez que você saboreasse um prato, lembrasse de alguma coisa, de um momento ou alguém. Mais que isso, é obrigatoriamente comer e pensar na comida de avó”, explica.

Esses pratos costumam ser reconfortantes e, por isso mesmo, é preciso um cuidado redobrado. Quando algo está muito gostoso as pessoas tendem a repetir mais e mais. A ideia é que cada garfada seja uma memória, uma recordação. Porém, é importante ter uma consciência nutricional. Assim você consegue se alimentar de forma saudável, funcional e moderada. Cuidado com as extravagâncias. 

No final das contas, não importa se você vai comer só uma vez ou se vai repetir. O objetivo dessa técnica de Comfort Food é despertar sensações. Emoções. Lembranças. Se ao ler esse texto você imaginou alguma comida ou lembrou de alguma coisa, é sinal que essa prática funciona.

Deixe seu comentário